quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Caminhando Na Escuridão


Hoje acordei com uma dor no peito,
Sabia o que estava acontecendo,
Meu coração começava a demonstrar
O que meus olhos já não conseguiam mais

Já não enxergava mais nada
Além da escuridão que me dominava,
Meu mundo estava frio
E nada mais me fazia feliz.

Não havia mais dúvidas sobre meus sentimentos,
Tudo que me restava era a dor.

Eu caminhava pelas ruas,
Com minha cabeça a mil,
E mesmo assim, a única coisa que me vinha em mente
Era você!

Mesmo sabendo que pensar em você
Me faria sofrer cada vez mais,
Eu simplesmente não conseguia evitar.

Talvez aquela paixão toda que existia,
Voltava a incendiar o meu coração,
E se eu tivesse uma escolha,
Jamais escolheria sofrer.

A luz que existia em mim,
Aos poucos foi se apagando,
Meus sorrisos sumiam,
E na escuridão eu ia me afundando...

A felicidade que em mim habitava,
Deixou em meu coração um vazio,
Um vazio marcado com seu nome,
Uma parte minha que faltava.

Inevitavelmente a paixão
Ainda mora em meu coração,
Não consigo disfarçar,
E muito menos esconder...
Tudo que eu mais queria na vida,
Era a seu coração pertencer.

O que mais dói,
É não poder me expressar,
Demonstrar o meu amor,
E você de mim, vir a se afastar.

Ver você, cada vez mais distante,
Era como se minha vida fosse sumindo aos poucos,
Diante de meus próprios olhos.

Não consigo mais disfarçar,
É com você que eu queria estar, todos os dias da minha vida,
E saber que isso não é correspondido,
Me traz uma dor que talvez eu não consiga suportar.

Só você tem o poder de me fazer feliz novamente,
Só você tem o poder dessa dor me libertar!

Mas por enquanto, continuo com a cabeça erguida,
Vestindo uma máscara para não demonstrar o que sinto,
Mesmo que seja só por obrigação...
E fico na esperança de que realmente
Dias melhores virão.

2 comentários: